Notícias Subterrâneas: Semana 21

Escrito por: | em 25/02/2012 | Adicionar Comentário |

Bem vindos à vigésima primeira semana das Notícias Subterrâneas! Novamente, com ajuda de meu mapa dos Reinos Subterâneos, navego pelas grandes listas de lançamentos pouco divulgados (ou nem tanto) de fantasia, terror, suspense, sci-fi ou alguma bizarrice que apareça. A criatividade ao longo desta semana foi melhor (ainda bem). Vamos logo aos lançamentos, minha criatividade para introduções morreu ao longo do Carnaval. Aos leitores novos: cliquem nas capas para mais informações ou comprar; deixem seus comentários, críticas e sugestões;  (*) e (^) são as indicações de que os livros estão disponíveis para kindle ou em audio book, respectivamente.

Lançamentos Americanos

The Tecnologists (Matthew Pearl) *^

The Tecnologists

Uma ficção histórica…NOT!

Uma ficção com fundo histórico bem leve…NOT!

Um thriller com um fundo histórico que cada um decida o quão real é.

The Tecnologists é a quarta ou quinta obra de Matthew Pearl e, creio que na versão inglesa, trás na capa uma análise do Dan Brown (seja isso bom ou não). A história se passa em Boston, 1868, no início de uma nova era científica para os Estados Unidos e também no início do MIT. Ocorre um desastre não especificado e “os malvados de Harvard” jogam a culpa ao recém formado MIT. Entram então em cena os quatro protagonistas (é só contar na capa), alunos que formam sua micro sociedade secreta para buscar explicações para o desastre não especificado.

Uma nota do Dan Brown na capa já pode dizer muito sobre o livro, mas torço para que o retrato da sociedade em mudança seja verossímil e a discussão sobre a “nova era da tecnologia” seja bem feita.

Paladin’s Legacy, livro 3: Echoes of Betrayal (Elizabeth Moon) *^

echoes of betrayal

echoes of betrayal, kindle

Coloquei as duas capas só para provar que há vezes em que uma capa com foto é melhor que uma desenhada (preconceito com dragões no máximo!). Terceiro livro de uma série (embora eu saiba que já leram isso logo acima da capa) que continua a Trilogia de Paksennarion escrita por Elizabeth Moon (importante destacar isso, joguem no google para dar uma olhada na cara da autora caso não conheçam), Echoes of Betrayal é um livro de fantasia clássica (vejam o dragão na capa). Não tenho muito o que dizer, é a história de uma paladina (?), com uma trama política, uma catástrofe iminente e tudo que é básico de uma série de fantasia. Certo, falo de MUITOS livros que são assim, mas todos têm algum diferencial, um clima especial, uma homenagem, algo assim. No caso de Paladin’s Legacy, o que parece ser um destaque são os personagens,unanimidade entre as reviews que li,muito bem desenvolvidos e complexos.

The Troupe (Robert Jackson Benett) *

the troupe

Pela capa fica bem claro do que se trata o livro, ou ao menos passa uma ideia bem parecida daquela que a sinopse passou: um livro de horror sobre shows de horrores. O protagonista é um garoto que entra para o mundo do circo e dos shows de bizarrices para encontrar seu pai (e então Julián Carax aparece e… opa, livro errado), mas se depara com segredos macabros por trás das apresentações da trupe de seu suposto pai. Nada muito novo até aqui, mas ainda não falei de um livro de terror que não partisse de um ponto previsível. A verdade é que coloquei The Troupe na lista pelo simples fato de que o nome do pai do protagonista, Heironomo Silenus, é muito sonoro.

The Legend of Eli Monpress (Rachel Aaron) *

the legend of eli monpress

Um omnibus! Quem diria? No começo da semana li uma entrevista com a autora sem saber que o livro estava sendo lançado ainda nesta semana. The Legend of Eli Monpress é uma compilação dos três primeiros livros da série homônima, sendo que o quarto e o quinto estão previstos para Junho e Novembro de 2012. A série foi muito bem recebida até o momento e trás uma proposta simples: contar uma história leve com personagens divertidos e carismáticos. Não, a série não é infantil, somente leve, sem grandes discussões, cenários grandiosos e criativos, inovações de estrutura textual ou alegorias geniais, só uma aventura. Uma que aliás parece bem interessante.

Eli Monpress, o protagonista, é um ladrão extremamente infame, e um mago nas horas vagas. Cada livro trata basicamente de um grande plano, histórias separadas que se interligam para chegar a um desfecho maior. No primeiro livro, o elemento a ser roubado é algo bem simples, que aliás some com bastante frequência e sem chamar atenção: um rei. Não preciso dizer mais nada, é a história de um ladrão que rouba coisas simples como reis.

the legend of eli monpress

Previews

The Scar (Sergey & Marina Dyachenko)

the scar

Será lançado só na próxima semana, mas como faltou um livro na lista…

Provando que não é só no Brasil que demoramos anos para receber uma tradução de uma grande obra (olá, Duna/ olá, Guerra dos Tronos), The Scar foi escrito em… 1997 e é o segundo livro de uma pseudo-trilogia escrita pelo casal ucraniano Dyachenko, no entanto é o primeiro livro deles a ser publicado na América. Joguem na wikipedia “Maryna Dyachenko” para terem uma noção da quantidade de obras que os dois escreveram e pasmem com o fato de que este é o primeiro livro deles a ser traduzido para inglês. Enfim, deixemos de lado o estado de choque em que fico sempre que vejo algo assim.

A sinopse é interessante, mas li algumas reviews que deixaram o seguinte aviso: é um livro de derrota, redenção e evolução psicológica, não uma obra clássica de capa e espada, como pode parecer a princípio. O protagonista é um jovem espadachim que, bem, mata um de seus estudantes “por acidente” e é então amaldiçoado e ferido por um espadachim misterioso. Só uma coisa a adicionar: vejam que capa fantástica!

O Círculo de Pedra (R. Costac)

o círculo de pedra

Literatura nacional, olá! Fico tão aliviado quando encontro uma sinopse que não diz absolutamente NADA sobre o enredo. Realmente é libertador saber que posso falar qualquer coisa pelo fato de que o livro não tem sinopse. Certo, há uma pseudo-sinopse que diz só que “Cinco jovens estudantes descobrem um segredo guardado por quatrocentos anos que os fará viver a maior aventura de suas vidas”. O que isso quer dizer afinal?

1) É um livro no estilo Percy Jackson em que os “círculos de pedra” são exatamente o que podemos ver em qualquer site que trate de mitologia.

2) É um livro de cyberpunk em que o “círculo de pedra” é um bar de strip e um grupo de jovens descobre que o Elvis, a lenda, ainda está viva no pulmão mecânico.

3) É um livro sobre um cozinheiro que decide usar uma panela mágica de pedra para fazer uma sopa com um dragão lendário que vive recluso em um bosque mágico.

Escolham a opção que parece mais plausível.

R. Costac, por favor, coloque uma sinopse de verdade no seu livro.

Estou Lendo: A Saga Volsung

Acabei finalmente Os Senhores do Arco. Minha conclusão: gostei muito mais do Lobo das Planícies. Ao menos no segundo livro alguns personagens secundários ganharam mais profundidade, agora consigo diferenciar sem problema algum Khasar e Kachium (no primeiro me perdi em alguns diálogos), além do que Temuge deixou de ser a figura mais insuportável do livro. Sem muito mais a dizer.

Ao longo da próxima semana pretendo começar a ler O Nome do Vento (vergonhosamente ainda não o li) e tentarei terminar A Saga Volsung. Por ser um livro de contos, ou melhor, de lendas, não consigo lê-lo por longos períodos, mas é um livro curto, não deve demorar muito.

Obrigado a todos. Deixem seus comentários, críticas, sugestões e comentários sobre os livros que estão lendo.

Até semana que vem, quando novamente tentaremos vencer meus preconceitos literários.

Até lá!



Categorias: Notícias Subterrâneas
Tags: , , , , , , , , ,

Lorde Worth

Caçador de Hobbies exóticos, leitor obsessivo e jogador compulsivo.

7 Comentários sobre Notícias Subterrâneas: Semana 21

  1. C. Presas

    Lorde Worth, bem humilde esse nome, não? :P brincadeirinha, eu gostei muito da coluna essa semana, especialmente a sinopse do último livro, eu acho que mesmo sem uma sinopse muito interessante (a que não tem) pode chegar a ser um livro bem interessante. Obviamente, você não me acharia lendo esse livro pois não me interesso por literatura nacional, esse é um dos meus maiores preconceitos com a literatura que nem os seus por dragões, segunda guerra e Verne, provavelmente há outros por ai escondidos que ainda não nos revelou mas não duvido que demore muito.
    Acho bem interessante como você fala de certos livros, quer dizer, você escolhe o livro pela capa, como já menciono anteriormente em outros posts, mas o que eu não entendo é como você consegue escolher livros, dar uma review meio amarga destes e ainda esperar que alguém os queira ler. Obviamente, quem já leu essa coluna antes percebeu que você tem um gosto especifico para livros e poucos o convencem e chamam a atenção mas eu acho que tentar achar certos pontos positivos nos livros sobre os quais falar ajudaria mais na promoção destes.
    Anyways, gostaria de dizer parabéns por ter conseguido terminar a coluna a tempo e eu acho que mesmo que eu não vá ler nenhum destes livros alguns pareceram bem interessantes.

  2. Heider Carlos

    The Scar parece muito interessante. Sempre tenho vontade de ler obras de fantasia de autores que não sejam britânicos ou americanos. Principalmente se abordarem mitologias locais. Tá na wishlist :D

  3. Ronaldo Cavalcante (@RonaldoCav)

    hahahaha… Abri um sorriso enorme ao ver a capa de Paladin’s Legacy. E pensei: mais uma notícia para o senhor Worth dar se coçando…
    #preconceitosliterários

    E tive que rir de novo com “A verdade é que coloquei The Troupe na lista pelo simples fato de que o nome do pai do protagonista, Heironomo Silenus, é muito sonoro.” #choreiderir

    The Scar parece ser MUITO bom mesmo!!! A capa realmente me roubou alguns minutos. Linda!
    Um tempo absurdamente longo para chegar nas mãos dos americanos, não é? Realmente revoltante.

    Não é nada ético falar do colega de editora, mas não custava nada dar um detalhe a mais nessa sinopse, né? Mas ele complementa lá sobre um segredo de 400 anos, senhor Worth. E desafia o leitor também… gostei dessa parte. Não é só a frase que vc colocou…. ¬¬

    Cara… estou relendo O Nome do Vento porque já comprei o Temor do Sábio e estou louco pra saber tua opinião. Eu adorei a primeira vez que li e estou gostando muito mais com a releitura. Um dos melhores livros na minha opinião. Tomara que ganhe na enquete de podcast também.

    Vlw pelas notícias, senhor Worth. grande abraço!

    • Lorde Worth

      Na verdade… Falei da sinopse do Círculo de Pedra de sacanagem. Mas ainda não acho que esteja boa. No final, por mais que possamos inferir sobre o que é a história, não teremos certeza. E claro, sempre sugiro que leiam as sinopses depois de verem meus comentários =P

      Também estou achando O Nome do Vento excelente e… bom, em breve escreverei sobre isso por aqui. Tomara que ganhe na enquete [2]

      Valeu pelo comentário como sempre, Ronaldo.

  4. Ronaldo Cavalcante (@RonaldoCav)

    Dando uma fuçada no Skoob sobre os livros que me chamaram a atenção achei outro livro chamado O CÍRCULO DE PEDRA… de outro autor, lógico.
    Mas olha que capa linda,senhor Worth!!!

    http://www.skoob.com.br/livro/210248-o-circulo-de-pedra

    • Lorde Worth

      NÃÃÃÃÃÃÃÃÃÃÃÕ! (grito de horror extremo). Deveria haver um livro “como não fazer uma capa”…
      Da próxima vez colocarei cinco livros de contos na lista XD

      • Ronaldo Cavalcante (@RonaldoCav)

        Hahaha… contanto quE sejam bons kkkkkk (NÃO FAÇA ISSO!!!)

Adicione um comentário