» Escritor

Produção Original: O Horror de Língua Prateada

Publicado em by Gustavo Domingues | em Produção Original | 5 Comentários

Como não publico nada à tempos, vou tomar uma iniciativa diferente, mas apoiada pelos demais membros do site: Publicarei aqui algum material de minha autoria. Para maior apreciação, recomendo a leitura deste conto em especial por mais de uma vez. Sem mais delongas:

O Horror de Língua Prateada

A clareira devia estar por perto, pois as copas das árvores eram muito mais esparsas à frente. A Trilha da floresta se abria em um caminho com bordas arredondadas, estriados por diversas trilhas de animais da floresta. Pelo reforço das marcas no chão ele devia estar perto da tribo que procurava. O Horror continuou pela floresta, se movimentando como uma sombra.

________

“Procura-se um guerreiros para defender uma vila”, dizia o cartaz afixado no mural da taverna. Abaixo da frase havia um desenho tosco, embora compreensível, da criatura: uma besta vermelho sangue, com uma carapaça, olhos vazios e uma língua prateada e comprida para fora de sua boca. Apesar de mal feito o desenho era feroz e passava o medo que os nativos deviam sentir. Debaixo do desenho havia Continue lendo…

First Blood: Você não conhecia o livro do Rambo.

Publicado em by Gustavo Domingues | em Curiosidades, Diversos | 8 Comentários

Se você é jovem demais e só conhece Rambo como um personagem idoso que Sylvester Stallone ressuscita para acumular alguns milhões em bilheteria, você não deve saber que ele é um personagem com status divino no panteão dos filmes de ação e um dos únicos que se tornaram um adjetivo (meu deus! Aquele cara é um Rambo!) durante os anos 80.

E também criou a moda de bandanas vermelhas

Mas o que poucas pessoas sabem é que o filme Rambo: Programado para Matar (ou Rambo: A Fúria do Herói em Portugal) na realidade foi baseado no livro Continue lendo…

Review boazinha: Guia de Sobrevivência a Zumbis

Publicado em by Gustavo Domingues | em Review: Literatura | 3 Comentários

“Os mortos caminham entre nós. Zumbis, necrófilos – não importa como sejam rotulados, esses sonâmbulos são a maior ameaça para a humanidade, perdendo apenas para os próprios homens.”

Sua única chance de sobreviver

Assim começa o guia mais importante de todos os tempos. O Guia de Sobrevivência a Zumbis contem Continue lendo…

Senhor dos Anéis, desprezado em seu tempo.

Publicado em by Gustavo Domingues | em Curiosidades | 10 Comentários

Hoje qualquer um conhece a série joalheira escrita por J.R.R. Tolkien que moveu todo o mundo cinematográfico nerd durante três anos, e para quem eventualmente não conheça, deixe-me atualizá-lo:

Senhor dos Anéis é uma história que poderia ser definida como uma batalha da moda: Um bando de indivíduos de raças extremamente diferentes põe de lado seu racismo mútuo e fumam muita erva enquanto discutem itens de joalheria, aí temos nove anéis pra lá, sete anéis pra cá, três anéis pros elfos e um pra todos dominar. E Gandalf o Multicolorido têm muita influência na opinião geral que consente em queimar o infame anel do pequeno Hobbit.

Meu anel?!

Hoje em dia os livros são considerados uma obra-prima da literatura anglo-saxã, e no Reino Unido só perdem em vendas para a Bíblia (outro livro com histórias que geram discussões até hoje, mas um pouco mais sangrentas). Mas agora vêm o soco no seu rosto: O Senhor dos Anéis foi  odiado em seu tempo.

No ano de seu lançamento, Continue lendo…

Review Maligna: Crônicas do Mundo Emerso Vol 1. A Garota da Terra do Vento

Publicado em by Gustavo Domingues | em Review: Literatura | 36 Comentários

“Durante a guerra dos Duzentos Anos, muitos habitantes do Mundo Emerso, cansados de tantos combates, deixaram as suas Terras para ir viver no mar. O último contato com eles remonta a cento e cinqüenta anos atrás, quando os reinos unidos da Terra da Água e do Vento tentaram invadir o Mundo Submerso graças a um mapa conseguido de um habitante daquele reino que voltara a morar em terra firme. A expedição teve um fim trágico: nenhum sobrevivente voltou para contar o que aconteceu. Desde então, nada mais se soube daquele continente e perdeu-se a memória de como alcançá-lo.”

Anais do Conselho dos Magos, fragmento

É assim que começa o primeiro volume da trilogia Crônicas do Mundo Emerso, chamado de A Garota da Terra do Vento, ou Nihal da Terra do Vento em Portugal, escrito por Lícia Troisi, uma astrofísica da Itália, a saga já é um sucesso na Europa. Este pequeno parágrafo foi a melhor parte que achei no primeiro livro, e aqui está minha impressão principal: Continue lendo…

Criadores de Mundos: Bernard Cornwell

Publicado em by Gustavo Domingues | em Criadores de Mundos | 11 Comentários

Bernard Cornwell

Olá leitores e ouvintes do Grifonosso.

Cá estou eu estreando a nova coluna do Grifonosso: Criadores de Mundos, uma coluna que homenageia de forma muito singular os maiores nomes da literatura mundial, e também expande os horizontes do Grifonosso, para que sejamos não só um podcast de literatura, mas um site completo rumo à dominação mundial. E claro que somos bem exclusivistas com literatura, então espere ver os mais conhecidos aqui, mas não necessariamente os autores que vão cair no vestibular.

E para abrir com chave de platina/diamante/electrum/titânio, vamos direto à fonte da literatura imersiva, com um dos autores mais consagrados de nossa época, e é claro que estamos falando de ser consagrado por mérito dele e não de uma nação de fãs impressionáveis (não quis insinuar nada), pois eu não sou facilmente impressionado (Olha! Um carro azul!), mas vamos ao que interessa, como você já deve ter lido o título não deve estar curioso em saber que estamos falando de Continue lendo…